Faz um bom tempo que eu queria falar sobre a segunda temporada de TWD, mas com tantas coisas acontecendo de uma vez na minha vida, o que já dei uma explicada no post anterior, acabou que não tive muito tempo para me dedicar ao blog, mas agora que já estou me acostumando a minha nova rotina e tudo está voltando ao normal, apesar de que esses últimos dias tive que correr atrás de algumas coisas e acabei chegando em casa e logo após desmaiando na cama de tão cansada, hoje tive uma folguinha de toda a correria e, claro, de todo o cansaço.

Mas voltando ao assunto que não era esse e sim TWD, vi muita gente por ai reclamando da segunda temporada, inclusive alguns colegas meus, dentre todas as reclamações a principal delas é que os episódios estão muito parados, que as coisas só acontecem no fim para ter o que ver no próximo episódio, sem falar que também houve reclamações sobre o comportamento dos personagens, como se a reação e ações deles não  estivesse de acordo com o fato do mundo estar passando por um apocalipse zumbi. E por último, e não menos importante, a morte forçada do Dale que acabou tendo sua barriga rasgada por um zumbi que não tinha forças para puxar o pé do Carl enquanto estava preso na lama, e o head shot que Carl deu em Shane quando ele virou zumbi.

Sim, a série ficou meio parada depois que a Sophia desapareceu, até por que eles estavam “morando” na fazendo, logo eles estavam no lugar que, até então, era seguro e puderam dar um relaxada nos ânimos e sair um pouco daquela cena frenética de fuga em que eles estavam, praticamente, em toda a primeira temporada, e é então que eles voltam a ter aquela pontinha de esperança de dias melhores e é então que os conflitos pessoais começam a aparecer e tomar a frente como o relacionamento do Gleen e Maggie, as brigas entre Rick e Shane, a gravidez da Lori entre outros que ficaram em primeiro plano para deixar um pouco de lado todo o desespero em relação aos zumbis um pouco de lado, o que é algo, naturalmente, humano. E sim, tudo isso foram coisas que me agradaram, era isso que eu estava esperando, esse exploração do sentimento humano em meio ao um apocalipse zumbi, e é por isso que, quando TWD saiu eu simplesmente amei, por que eu sabia que a interação entre as pessoas iria ser mais profunda, mais explorada, diferente do que acontece nos filmes. Para mim as coisas não aconteceram como forma de enrolação, mas sim como um complemento de algo que já estava bom. Enquanto assistia cada episódio eu me envolvia, ficava com raiva de algumas coisa e vibrava com outras coisas.

Já das coisas que aconteceram forçadamente, eu não tiro a razão de ninguém, afinal de contas, realmente foi uma bosta e o que no final das contas não foram de todo o ruim, já que me garantiram boas risadas.

Bem, acredito que era isso que eu queria falar sobre essa temporada que se passou e estou aguardando ansiosamente a próxima temporada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s